Acusados de matar idoso em Araçatuba serão julgados nesta quarta-feira

O Tribunal do Júri de Araçatuba (SP) se reunirá nesta quarta-feira (6) para o julgamento de Maycon Joaquim de Almeida Vasque e Fábio da Silva Almeida, acusados pelo assassinato do azulejista Claudionor Soares, de 62 anos. O crime ocorreu em 5 de dezembro de 2015, quando o idoso foi brutalmente agredido na praça Independência, vindo a falecer dois dias depois na Santa Casa da cidade.

Na época, o filho da vítima relatou à polícia que seu pai foi empurrado ao chão e agredido sem motivo aparente. Soares, após receber um chute no rosto, sofreu uma lesão no nariz, o que o levou a ser internado no hospital. Apesar de receber alta no mesmo dia, seu estado de saúde piorou, culminando em seu falecimento no dia seguinte.

O filho da vítima descobriu que o idoso teve a carteira e o celular furtados antes do incidente. Durante as investigações, apurou-se que Fábio, ao saber que estava sendo acusado do furto, decidiu dar uma “lição” em Soares e chamou Maycon para auxiliá-lo. A dupla teria aguardado o idoso na praça e o atacou brutalmente, deixando-o caído no chão.

Os réus tiveram prisão preventiva decretada e foram denunciados por homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima. Posteriormente, o Ministério Público concordou com a liberdade provisória, mas, em setembro deste ano, solicitou a revogação devido ao descumprimento de medidas cautelares.

O julgamento está agendado para as 9h no Fórum de Araçatuba.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember meLost your password?

Lost Password