São Paulo supera baixas, vence Bragantino e se aproxima de líderes

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O São Paulo venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 0, neste sábado (6), no Morumbis, pela 15ª rodada do Brasileirão. Os atacantes André Silva e Luciano marcaram os gols da partida.

O Tricolor do Morumbi superou desfalques importantes para conquistar o triunfo. Zubeldía foi expulso contra o Athletico-PR, Calleri e Ferreirinha levaram o terceiro cartão amarelo e todos cumpriram suspensão contra o Bragantino.

Com o resultado, o São Paulo foi a 27 pontos e pulou para a 4ª posição na tabela -mesma pontuação de Botafogo (2º) e Palmeiras (3º), que jogam neste domingo (7). Já o Bragantino permaneceu com 22 e em 7º.

O São Paulo volta a campo na próxima quinta-feira (11), às 21h30 (de Brasília), contra o Atlético-MG, na Arena MRV. Já o RB Bragantino só joga no próximo sábado (13), às 16h, contra o Cruzeiro, na Arena Independência.

Jogo

São Paulo e Red Bull Bragantino fizeram um primeiro muito ruim. A equipe de Bragança chegou uma vez com perigo com Eduardo Sasha, mas Jandrei fez grande defesa. Já o Tricolor não fez Cleiton trabalhar uma vez sequer.

A equipe comandada por Carlos Gruezo -auxiliar de Zubeldía, suspenso no jogo de hoje- fez muitos lançamentos e trocou poucos passes no campo de ataque. A melhor chance do São Paulo só aconteceu aos 44 minutos, com um grande lançamento de Lucas, que Rato tentou finalização por cobertura sem sucesso.

São Paulo é mais incisivo e busca a vitória

Pedro Caixinha tirou o volante Raul e colocou o atacante Vitinho logo na volta do intervalo. O jogo ficou mais aberto, com chances para os dois lados, mas sem muita pontaria dos ataques.

O São Paulo conseguiu ser mais incisivo e chegou ao primeiro gol ao marcar pressão no campo de ataque. Luiz Gustavo interceptou uma bola mal afastada, Rato tocou pra Luciano, que finalizou para a defesa de Cleiton. No rebote, André Silva guardou. Luciano teve uma penalidade para ampliar, Cleiton até pegou, mas no rebote o camisa 10 fez o 2 a 0.

Lances importantes

Jandrei salva o São Paulo. Aos 8 minutos, Lincoln cobrou escanteio e Sasha finalizou com perigo após desvio na primeira trave. Jandrei fechou o ângulo do atacante e evitou o gol do Bragantino.

Rato não chuta e desperdiça chance. Aos 19, André Silva roubou a bola no campo de ataque e acionou Igor Vinícius pela direita. O lateral tocou para Wellington Rato no meio, que invadiu a área, demorou para finalizar e quando chutou não tinha ângulo nenhum.

Rato quase marca um golaço de cobertura. Aos 44, o São Paulo construiu sua melhor chance no jogo. Lucas achou Rato com um grande lançamento nas costas da defesa, Rato dominou a bola escapando para o lado esquerdo e tentou encobrir Cleiton. A bola foi com um pouco mais de força e saiu por cima.

André Silva abre o placar para o São Paulo. Aos 19 do 2º tempo, a defesa do RB Bragantino afastou mal uma bola em sua área, Luiz Gustavo interceptou e tocou de primeira para Rato, que passou para Luciano. O camisa 10 finalizou, Cleiton deu rebote e André Silva não perdoou. São Paulo 1 a 0.

Luciano erra pênalti, faz no rebote, e amplia para o São Paulo. Aos 41, Nestor invadiu a área pela esquerda, foi derrubado por Pedro Henrique e a arbitragem marcou pênalti. Luciano bateu no meio, Cleiton pegou, mas no rebote o camisa 10 guardou.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 2×0 RB Bragantino

Competição: 15ª rodada do Campeonato Brasileiro

Local: Morumbis, em São Paulo (SP)

Data e horário: 6 de julho de 2024, às 20h

Árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos

Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira e Jean Marcio dos Santos

VAR: Daiane Muniz

Amarelos: Arboleda e Welington (SAO); Eduardo Sasha e Lincoln (RBB)

Gols: André Silva, aos 19 minutos do 2º tempo, e Luciano, aos 44 minutos do 2º tempo (SAO)

São Paulo: Jandrei, Igor Vinícius (Diego Costa), Arboleda, Alan Franco e Welington; Luiz Gustavo, Alisson, Rato (Rodrigo Nestor), Luciano e Lucas; André Silva (Bobadilla). Técnico: Carlos Gruezo (auxiliar).

RB Bragantino: Cleiton; Nathan Mendes, Pedro Henrique, Luan Cândido e Juninho Capixaba; Raul (Vitinho), Eric Ramires (Thiago Borbas) e Lucas Evangelista (Eduardo Santos); Lincoln, Sasha (Gustavinho) e Mosquera (Vinicinho). Técnico: Pedro Caixinha.

FLAVIO LATIF / Folhapress

COMPARTILHAR:

Participe do grupo e receba as principais notícias de Campinas e região na palma da sua mão.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

NOTICIAS RELACIONADAS