Pesquisa da USP Ribeirão recruta voluntárias para testar cosmético

Pesquisadores da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) da Universidade de São Paulo (USP) precisam de mulheres com idade entre 39 a 55 anos, saudáveis ou portadoras de diabetes mellitus tipo 2, para estudo clínico de cosmetologia. O objetivo é avaliar a eficácia de uma fórmula cosmética com ativos de origem natural para prevenir a degradação do colágeno e melhorar a aparência da pele.

As interessadas não podem ser fumantes ou estarem grávidas e vão passar por entrevista e avaliação de estilo de vida. Para as voluntárias que possuem diabetes é necessário exames recentes de hemoglobina glicada com valores entre 6,5 e 7%. Precisam ter o diagnóstico da doença há, no mínimo, 5 anos, com acompanhamento médico. Não devem ser insulino-dependentes.

Será um estudo de três meses com três avaliações pontuais: inicial, após 45 dias e 90 dias de uso do produto diariamente. Serão realizadas medidas na região do rosto com aparelhos específicos de biofísica e análise de imagem da pele. Nenhuma delas é invasiva. Os testes, com duração média de duas horas, acontecem em laboratórios da Faculdade de Farmácia.

Durante a pesquisa, o creme antiglicante e uma formulação de protetor solar serão fornecidos para as participantes. A responsável é Verônica Rego de Moraes, do Setor de Cosmetologia da FCFRP, que trabalha sob orientação da professora Patrícia Maia Campos.

As voluntárias podem entrar em contato pelo telefone (16) 3315-4307, de segunda à sexta-feira, das 9 às 17h, ou pelo e-mail: [email protected].

Login

Welcome! Login in to your account

Remember meLost your password?

Lost Password